quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Ator e jornalista Danilo Castro lança obra para financiamento coletivo (Jornal O Povo)


Livro do jornalista Danilo Castro traz entrevistas de artistas do Ceará e de outros estados sobre o teatro independente. A meta é arrecadar R$ 5 mil até março

Foto: Sarah Maia
Por João Paulo Freitas
joaopaulofreitas@opovo.com.br 

Diálogos sobre o teatro independente em Fortaleza e o olhar direcionado sobre a arte cênica de grupos no Brasil estão presentes no livro O teatro que temos ao teatro que queremos, do ator e jornalista Danilo Castro, 25. No início deste mês, Danilo iniciou uma campanha para financiamento da obra, que foi produzida em 2013. De acordo com o ator, a meta para publicação é arrecadar R$ 5 mil até o final de março.

Com a quantia prevista, ele acredita lançar uma tiragem inicial de 500 exemplares. “Caso eu consiga arrecadar mais, faço uma tiragem maior. Assim, quem sabe, vou também poder enviar o livro para grupos de teatro pelo país”. Um dia após o início da campanha, o projeto já havia arrecadado R$ 700.

“É importante frisar que não se trata de uma doação. É um financiamento coletivo, investimento. Quem participa ganha de recompensa o próprio livro”, lembra. Caso o autor não consiga juntar o dinheiro planejado, o público recebe o valor de volta.

Danilo argumenta que o lançamento de um livro não é um processo fácil, pois sua obra “não se encaixa em todos os editais de livro-reportagem por ter uma linguagem crítica e opinativa muito evidente”. Ele destaca que resolveu fazer a campanha de financiamento colaborativo após o bem-sucedido projeto para publicação de Auri, a anfitriã: Memórias do Instituo Penal Feminino Desembargadora Auri Moura Costa, das jornalistas cearenses Aline Moura e Bárbara Almeida.

A obra

O livro é dividido em duas partes. A primeira etapa – “Do teatro que temos” - conta com grandes perfis que falam sobre o teatro independente feito em Fortaleza, tendo como foco os grupos Expressões Humanas, Bagaceira de Teatro e Teatro Máquina. Na segunda parte – “Ao teatro que queremos” – três convidados analisam o fazer teatral de grupo no País em três instâncias: local, regional e nacional.

A obra, que tem 220 páginas, traz entrevistas com profissionais de Fortaleza, como Vanéssia Gomes, do grupo Teatro de Caretas, e atores de outros estados, como Fernando Yamomoto, do grupo Clowns de Shakespeare, do Rio Grande do Norte, e Sérgio de Carvalho, da Cia do Latão, de São Paulo.

Danilo ressalta que, para produzir o livro, acompanhou a rotina dos grupos, seus ensaios e reuniões. “Pesquisei o acervo e as memórias de cada coletivo em recortes de jornais e revistas. Os grupos falam sobre sua pesquisa, a estética e os desafios para se viver de teatro no Brasil”.

SAIBA MAIS

A obra surgiu a partir do trabalho de conclusão de curso em Jornalismo, em 2013, na Universidade Federal do Ceará (UFC). Danilo é formado ainda em Artes Cênicas pelo Instituto Federal do Ceará (IFCE), em 2010.

Suas principais referências são os artistas Walden Luiz, Sidney Souto, Danilo Pinho e Fran Teixeira, e os teóricos Stanislavski, Bertolt Brecht e Hans-Thies Lehmann.

Serviço

Os interessados em contribuir devem fazer o cadastro no site: www.catarse.me/pt/doteatroquetemosaoteatroquequeremos

Fonte: Caderno Vida & Arte (Jornal O POVO -18/08/2015)

Nenhum comentário: